NOTÍCIAS :
  • Nations - Jogo do Ano Spiel Portugal Nations é o grande vencedor do prémio Jogo do Ano Spiel Portugal. O jogo de Rustan Håkansson, Nina Håkansson, Einar Rosén e Robert Rosén, publicado pela editora Lautapelit.fi, vence o prémio e junta-se à galeria de jogos notáveis que inclui : Keyflower - Sebastian Bleasdale e Richard Breese - Ora et Labora - Uwe Rosenberg - Troyes - Sébastien Dujardin, Xavier Georges e Alain Orban - Maria - Richard Sivél - Agricola - Uwe Rosenberg - Brass - Martin Wallace - Imperial - Mac Gerdts.Muitos Parabéns aos autores e editores bem como a todos os nomeados. 
    Publicado a 09/07/2014, 16:40 por Nuno Bizarro Sentieiro
A mostrar mensagens 1 - 1 de 26. Ver mais »

REVIEWS :
  • Invaders   Invaders Invaders é um jogo de cartas para apenas 2 jogadores (pelo menos para já). De um lado uma força de aliens invasora que tenta dominar a terra. Do outro lado os terráqueos que se esforçam por manter o domínio sobre o planeta. O Tabuleiro O Planeta está dividido em 3 grandes áreas que podem ser pontos de invasão. Existe também um timer de invasão e ainda 5 caixas com as estratégias para cada 1 dos lados que os jogadores podem ou não activar durante o seu turno. Regras Como alguém diz… o jogo tem 2 regras. Não é bem, mas é quase. Cada jogador tem um baralho com 70 cartas. E no fundo as regras estão nas cartas. Turno ...
    Publicado a 16/01/2014, 14:17 por Spiel Portugal
  • Agricola vs Caverna As perguntas do momento - Caverna substitui o Agricola ? Melhora ? É um apenas uma sequela ? Mais do Mesmo ? O Spiel Portugal procurou as respostas...A grande diferença entre estes jogos consiste nos “extras”. Enquanto o Agricola usa cartas o Caverna usa divisões da nossa caverna. Existem mais diferenças como as expedições, mais animais as minas, etc… mas essas não me parecem muito relevantes.As cartas do Agricola são o coração do jogo e isso é mudado no Caverna. O que eu menos gosto no Agricola é a sorte das cartas que te calham definirem o teu jogo e algumas vezes o vencedor. A vantagem é que as cartas fazem do Agricola um jogo SEMPRE diferente. No Caverna podes especializar-te e ...
    Publicado a 12/01/2014, 14:21 por Nuno Bizarro Sentieiro
A mostrar mensagens 1 - 2 de 3. Ver mais »

TOP 5 :
  • Nomes de TOP Ando há muito tempo para fazer este top. Chegou a hora de destacar os 5 melhores nomes para uma noite de jogos de tabuleiro! Porque nem todos as apelidamos da mesma forma, nem todos lhes sussurramos ao ouvido da mesma maneira, nem todos as levamos com a mesma conversa… “Jogos” – “Vais aos jogos?”, é a designação da minha rainha. Seguida habitualmente dum “já vi que sim, ainda não tiraste os sapatos…” É um nome curto, sucinto, dado a poucas interpretações. Seria menos amigável perguntar se vou a jogo ou, somente, se vou jogar. E é animador pensar que a noite vai ter jogos, no plural, e não apenas um jogo menor de 4 horas. “Jogatana” – Esta designação é velha. Talvez ...
    Publicado a 17/02/2014, 14:36 por Nuno Bizarro Sentieiro
A mostrar mensagens 1 - 1 de 15. Ver mais »

OPINIÃO:

Guerra de Ideias por Carlos Ferreira

  • Kohle & Kolonie Nota prévia: Para quem nunca jogou o Kohle & Kolonie algumas coisas que aqui vão ser escritas/lidas podem não fazer sentido… ignorem.A passada semana foi bastante produtiva em termos lúdicos. Não pela quantidade mas pela qualidade. Consegui finalmente jogar o Kohle & Kolonie. Tinha o jogo para lá em casa desde Essen e mais por preguiça do que por outra coisa qualquer, o jogo foi ficando a ganhar pó. Na passada segunda meti mão à obra, ou neste caso olhos às regras e em conjunto com o Sentieiro e o Soledade agarrámos o boi pelos cornos. Para primeiro jogo não foi nada fácil, pois o livro de regras (pelo menos o inglês) não é nada amigável, mas lá fomos desbravando ...
    Publicado a 11/03/2014, 08:00 por Spiel Portugal
A mostrar mensagens 1 - 1 de 29. Ver mais »

Nada Pessoal por Nuno Bizarro Sentieiro

  • Through the Nations Sexta-Feira, pós Essen. Regresso emotivo aos jogos, às regras, ao cartão. Primeira paragem, Nations. Nascem Civilizações na mesa fria, palco montado, Let the games begin !"- E depois isto faz isto, como no TTA."I- Entrada fácil no jogo, sentimento de deja vu, começar pequeno - faz sentido. Alimentar o motor da civilização... hum... vou por aqui... Cai a ficha - ok, isto dá pontos como no TTA. Apostar num cavalo, colocar as fichas no preto e... VERMELHO !"Militar - red catchup"II- A estratégia Militar (como no TTA) é estupidamente poderosa. Em Nations, o militar não chega a ser uma estratégia, é antes, uma obrigação. Ordem de turno, despojos da guerra, Eventos, quase tudo depende daquela tabela. Perceber isto ao segundo turno ...
    Publicado a 09/11/2013, 07:50 por Nuno Bizarro Sentieiro
A mostrar mensagens 1 - 1 de 11. Ver mais »

Tabula Post por José Carlos Rôla

  • Mais, mais! Mais umas festas felizes, no final dum ano muito feliz! E entremeadas com belos jogos!Brugge é um Feld simples, parco em pontos e fora do habitual nos grandes títulos do homem. Depende muito da sorte das cartas, é certo, mas não incomoda demais porque o resto é prazeroso. Aprende-se rápido e joga-se em tempo aceitável. Um bom título para aquelas ocasiões em que a mesa pede algo menos elaborado.Craftsmen foi uma agradável surpresa! O tamanho da caixa dá a entender um joguito para entreter intervalos, mas na verdade trata-se dum sólido “worker placement”, demorado e trabalhoso.As regras podiam estar bem melhor escritas e tal facto quase arruinava a coisa, não fora termos  4 horas ...
    Publicado a 01/01/2014, 13:31 por Nuno Bizarro Sentieiro
A mostrar mensagens 1 - 1 de 7. Ver mais »


A Convenção

O Prémio